10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem

Para EstudantesProfissionalização

O Exame da Ordem, também conhecido como prova da OAB, é a mais importante prova do bacharel de direito que deseja exercer profissionalmente o cargo de advogado, além de ser necessário para diversos cargos no mundo jurídico; por isso selecionamos 10 cuidados para tomar na segunda fase do Exame da Ordem.

A segunda fase da prova consiste em duas partes, que somam seis pontos ao todo, e visam avaliar as competências práticas do candidato: Na primeira parte o candidato deve escrever uma peça prático-profissional sobre a área jurídica que optou quando fez inscrição. Entre as matérias estão o direito administrativo, direito civil, direito constitucional, direito do trabalho, direito empresarial, direito penal ou direito tributário. A outra parte da prova é composta por quatro questões discursivas, que valem 1,25 pontos cada e também são relacionadas à área jurídica que o candidato optou na hora da inscrição.

Para ajudar na mesma, selecionamos alguns Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem que devem ser tomados na hora da realização da prova:

10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem

1 – Leia o edital do seu exame

É bastante comum para estudantes o foco nos materiais de estudos fornecidos pelo local onde você está tendo aulas: Não baseie-se somente neles.

O edital é o cerne da prova, nele constam todos os tópicos que podem ser abordados nas disciplinas do exame da OAB tanto na primeira quanto na segunda fase. O que importa aqui é saber quais são as peças que podem ser abordadas na sua prova. A grande maioria dos cursinhos não aborda todas as peças do exame. Conferindo num livro de prática (prática penal, trabalhista, constitucional, empresarial, tributária, civil, administrativa) já no sumário você verá quais são todas as peças daquela matéria.

2 – Pratique a resolução das questões

10-cuidados-para-tomar-na-segunda-fase-do-exame-da-ordem-advogado-correspondente-juridico-doc9Diversas vezes o candidato limita-se a estudar sobre os assuntos com rapidez e foca na montagem da peça: Não faça isso.

As questões valem metade da prova, ou seja, você depende delas para obter a aprovação. No website da OAB você pode conferir exames assados e usá-los como base para o estudo das questões.

3 – Aproveite bem seu tempo de prova

Esqueça a ideia de fazer um rascunho completo da peça durante a prova. Por ser inteiramente composto por dissertação, a prova pode demorar muito tempo para ser realizada, e reescrever a peça pode lhe tirar um tempo precioso que poderia ser direcionado par a resolução das questões.

Ao invés disso, monte um esqueleto da sua peça no rascunho, ressalte pontos necessários e que pode esquecer, e escreva sua peça a partir do mesmo: isso otimiza seu tempo e ajuda a organizar suas ideias.

Também é indicado, se possível, a realização de simulados para que você tenha uma ideia do tempo que precisa para cada parte da prova.

4 – Pratique a escrita, muito!

10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem

É normal, especialmente com a tecnologia, perdermos o costume de escrever manualmente, mas durante a prova não haverá uma alternativa: a caneta e o papel serão seu único material.

Substitua o estudo digital para o bom e velho caderno, treine a rapidez e fluidez da sua escrita. Isso também garante uma caligrafia mais legível, mais rapidez na escrita e também ajuda a memorizar conteúdos com mais facilidade.

5 – Habitue-se ao material de consulta

Por mais que códigos comentados sejam uma ótima saída para estudar e conhecer melhor o material, na hora da prova o candidato poderá apenas usar o código, a legislação seca, sem anotações.

O primeiro passo é o uso do índice remissivo das coleções Vade Mecum e dos códigos.  O material é o melhor amigo do candidato pois muitas vezes as respostas para são encontradas em artigos do código.

6 – Foque nos termos jurídicos da prova

10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem

Parece óbvio, mas a leitura da prova pela primeira vez pode ser bastante confusa. Foque nos termos jurídicos que reconhece, circule e sublinhe quaisquer fatos necessários que se destacam em meio às questões: esse exercício ajuda o raciocínio a ser mais direto e lhe poupa tempo de precisar reler diversas vezes até fazer sentido da pergunta.

7 – Responda as questões mais fáceis primeiro

Durante a primeira leitura, é identificável quais são as questões que lhe soam familiares e/ou fáceis de serem respondidas: comece por elas. Elas, além de “saírem do caminho” e lhe deixarem mais tempo para as que tem dificuldade, também são fonte daquela confiança extra, que é um ótimo incentivo durante a prova.

8 – Não poupe palavras

Sempre tente explicar mais do que menos. Em diversas ocasiões o candidato cita apenas o instituto ou o dispositivo legal, abrindo espaço para a desconfiança de corretores. Demonstre interesse e conhecimento ao expandir sua explicação, trazendo com suas palavras o significado ou a função dentro do contexto apresentado na questão.

9 – Fique de olho na primeira fase do Exame

A primeira fase do Exame sempre dá indícios dos assuntos que serão abordados na segunda fase: Questões objetivas mais complicadas normalmente são dicas para temas que vem em peso nas questões dissertativas.

10 – Lembre-se que é apenas uma prova

10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem

Assim como falamos no post sobre a primeira fase, o Exame da Ordem é apenas uma prova – que pode ser refeita caso o resultado não seja o esperado! Por isso, respire fundo e foque em fazer o melhor possível, sempre haverá uma nova chance.

 

E aí? O que achou dos 10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem? Possivelmente essas dicas vão lhe ajudar a obter sucesso na prova mais importante do mundo jurídico! E você, tem algum dica de Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem? Comenta aqui pra gente!

10 Cuidados para Tomar na Segunda Fase do Exame da Ordem

José Eduardo Oliveira

José Eduardo Oliveira

Bacharel em Produção Multimídia pelo Senac-RS em formação. Integra atualmente o nosso time de Marketing e é um dos responsáveis pela comunicação com a nossa Rede de Advogados Correspondentes. Trabalha com projetos de desenvolvimento da nossa Rede de Correspondentes, buscando soluções, melhorias e conteúdos que impactem a vida dos Advogados de uma forma positiva. Busca mesclar dicas de produtividade com a rotina corrida dos correspondentes jurídicos, para, então, criar processos e melhorias no fluxo de comunicação da nossa rede de profissionais.

Deixar um Comentário