Marketing de Conteúdo para Escritórios de Advocacia

Marketing JurídicoPara Escritórios
Por 4 de julho de 2019 Sem Comentários

Relacionar marketing e advocacia aqui no blog da DOC9 já é bem comum, afinal, este é o nosso negócio. Há um tempo atrás, fizemos esse post sobre marketing em escritórios de advocacia, e resolvemos complementar este tema com um dos conceitos mais abordados no mercado atualmente: Marketing de Conteúdo.

Este conceito define, basicamente, a prática de engajar seu público-alvo e crescer sua rede de clientes e potenciais clientes através da criação e divulgação de conteúdo relevante e valioso, atraindo, envolvendo e gerando valor para as pessoas de modo a criar uma percepção positiva da sua marca e, assim, gerar mais negócios.

Em outras palavras, pode se dizer que as pessoas, enquanto consumidoras – principalmente as consumidoras finais – de um serviço ou produto, independente de seu interesse em uma determinada empresa, não desejam o tempo todo adquirir o que estas têm a oferecer. Por maior ou menor que seja o engajamento com uma marca, receber anúncios de ofertas dela o tempo todo em todas as mídias possíveis pode ser bastante incomodativo.

marketing de conteúdo para escritórios de advocacia

Ainda assim, as empresas e marcas têm que gerar receita através das vendas. Para manter o público instigado e consciente, sem saturá-lo, o marketing de conteúdo tornou-se uma poderosa prática, contanto que seja usado da maneira correta, e pode ser aplicado em diversas situações, inclusive nos escritórios de advocacia. Para ver algumas das ideias mais importantes a se considerar ao tentar o marketing de conteúdo, continue lendo abaixo.

Confira as regras para publicidade da OAB

Antes de planejar sua estratégia com o marketing de conteúdo para seu escritório de advocacia, é de suma importância lembrar que a OAB tem algumas restrições quanto à publicidade para advogados, expostos nos artigos 28 e seguintes, além do provimento 94/2000 da OAB Federal. Certifique-se que o que será feito para seu escritório está dentro dos limites estabelecidos nesses documentos.

De todos os pontos, alguns dos que mais saltam aos olhos é a proibição de propaganda em rádio, cinema e televisão, uso de outdoor, painéis luminosos ou mídias semelhantes. Em participações em programas de rádio, televisão e internet ou colunas de jornal e artigos, é proibida a divulgação de contato (endereço, telefone…), exceto e-mail. Ressaltado isto, vamos agora às estratégias de marketing de conteúdo.

Cuide da sua marca

A criação e manutenção da marca em um escritório de advocacia já foi abordada inúmeras vezes aqui no blog da DOC9 por que, assim como em qualquer outro tipo de empresa, o branding tem um impacto enorme nos resultados. O branding é o que definirá como a marca será vista pelo público, como será o modo de atuação da empresa, entre tantos outros aspectos. A manutenção de marca vai muito além de um logo em um belo cartão de visitas: envolve um tratamento cordial ao cliente, presença nas redes sociais, eventos relevantes para seu mercado e até mesmo o modelo de negócios optado.

Tenha um foco de atuação

Especializar-se não é apenas importante para a prática da sua profissão em si, mas impacta seu marketing de conteúdo diretamente, pois, como você tem mais conhecimento que a média de advogados em um determinado assunto, pode falar com maior propriedade sobre, agregando valor ao conteúdo disponibilizado.


Leia também:


 

Participe de eventos e palestras

Uma boa forma de se atualizar é ir à eventos e palestras como espectador e, após já adquirir confiança através de cursos e especializações, também participar como palestrante, apresentador e/ou organizador desses encontros. Isto não apenas expõe sua imagem e a de seu escritório para o público como um membro ativo na comunidade de advogados (ou até mesmo em outras esferas), mas também abre espaço para uma divulgação, direta ou indireta, dos serviços que são prestados, inclusive as especializações mencionadas anteriormente.

Hoje em dia, relaciona-se muito marketing de conteúdo com mídias digitais, contudo, meios físicos e materiais de divulgação ainda se apresentam muito interessantes e eficazes em determinadas situações, e o contato humano sempre tem o potencial de gerar bons resultados, e palanques, palcos e rodas de conversa são ambientes propícios para esta atuação.

Publique artigos e livros

Uma boa forma de conquistar espaço em meios mais formais e acadêmicos é escrevendo e publicando artigos. Investindo recursos em estudos e títulos, como pós-graduação, mestrado e doutorado, além de cursos e congressos esporádicos, ganha-se mais experiência e conhecimento, além de garantir um bom networking.

Estes materiais podem inclusive ser publicados em suas mídias próprias, tanto suas pessoas como de seu escritório. Se há a possibilidade de investir bons recursos e existem as conexões com os contatos certos, pode-se mesmo pensar em escrever um livro que, apesar de ser um formato antigo, ainda é muito popular, sobretudo no meio da advocacia.

Use a tecnologia ao seu favor

Como dito anteriormente, não é necessário se limitar apenas às mídias digitais, mas com certeza elas devem ser as melhores amigas de seu escritório de advocacia. Redes Sociais são essenciais para colocar em prática suas estratégias de marketing de conteúdo, e ter blogs e sites, caso haja recursos para mantê-los, também é uma excelente pedida.

Procure não apenas fazer postagens simples, mas também investir um tempo em escrever textos sobre assuntos relacionados ao direito. Você pode pensar em conteúdos tanto para advogados, como para seus clientes: dicas de estrilo de vida, novidades em seu escritório, notícias jurídicas e outros tópicos podem ser interessantes e agregar à imagem de seu escritório de advocacia.

Para adquirir boas posições em sites de busca (majoritariamente o Google), existem algumas técnicas a serem utilizadas ao escrever textos em seu site e/ou blog, conhecidas como SEO, você pode conferir nosso post sobre dicas para escritórios de advocacia!

Convoque seus colaboradores e sócios nessa jornada

Quanto maior o volume e qualidade no seu escritório de advocacia, melhor serão seus resultados da prática de marketing de conteúdo, por isso, incentive seus sócios e/ou colaboradores em seu ambiente de trabalho a escrever, ou mesmo dar ideias de postagens e estratégias. Isso será benéfico para eles, pois fará com que eles estejam mais atualizados e sempre buscando melhorar suas habilidades e conhecimentos, e será bom para o escritório.

Esta é a grande vantagem do marketing de conteúdo: os benefícios dele vão muito além de aumentar a aquisição de clientes e vendas, também agregando competências a quem coloca esta prática em ação. Mas conta para nós: você trabalha ou é sócio em um escritório de advocacia? Quais dificuldades você pensa existir para colocar o marketing de conteúdo em prática? Deixa um comentário abaixo!

qualidade

Lucas Nishimura

Lucas Nishimura

Bacharel em Design Visual pela ESPM em formação. Integra atualmente o nosso time de Marketing e é uma das responsáveis pela comunicação da DOC9 com a nossa Rede de Parceiros. Responsável majoritariamente pela comunicação com parceiros, com foco na realização de treinamentos, tanto em PDF como em vídeo.

Deixar um Comentário